18 May 2011

O sonho europeu acabou?

DSC0647

Ontem assisti a um debate promovido pela IQ2 na Royal Geographic Society acerca do futuro da Europa, mais particularmente sobre o diminuído desejo dos Alemães de liderarem a União. Será que os Alemães ainda precisam da Europa?

Fui atraído pelo calibre dos oradores, incluindo o ex-presidente Françês Valérie Giscard D'Estaing (o pai da 'falecida' constituição europeia) e um dos meus historiadores favoritos Timothy Garton Ash. Mas inevitavelmente o debate resvalou para a questão dos países "periféricos" como a Grécia, Irlanda... e Portugal.

O debate foi excelente (fotos aqui) mas uma das citações que retenho mais claramente foi de Valérie D'Estaing, que questionado sobre o problema da Europa declarou que a "qualidade dos políticos já não é o que era", e que "é preciso um novo sonho europeu". A ausência desse sonho, de um plano e de uma visão é o que assusta na Europa de hoje. Em paralelo, em Portugal a questão da dívida e a pequenez dos políticos tirou-nos a capacidade de sonhar alto, de ver mais longe e de ter ambição.

"You have to dream a little, non?"